Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Universidades e coisas assim

Universidades e coisas assim

21.Fev.18

Portuguesices #2

Hoje decidi partilhar convosco mais umas curiosidades da nossa língua, dado que hoje se celebra o dia internacional da língua materna! Este dia visa preservar e proteger todas as línguas faladas no mundo, que são cerca de 7000! Já tinha feito um post semelhante!!

O português tem imensas expressões que nós utilizamos diariamente, mas às vezes nem sabemos bem o que significam, nem a sua origem. Aqui ficam algumas expressões giras do nosso português:

 

- Valer a pena: Significa que algo merece o nosso esforço e trabalho (compensa)

Existem diferentes histórias que explicam a origem desta expressão. A que mais gosto é a que, Richard Strauss (compositor alemão), aquando da sua visita a Sintra, declarou acerca do Palácio da Pena: "Hoje é o dia mais feliz da minha vida. Conheço a Itália, a Sicília, a Grécia e o Egipto e nunca vi nada que valha a Pena".

 

- Rés-vés Campo de Ourique: Significa que se está muito perto de alcançar algo e é utilizado para descrever situações que não aconteceram por pouco

Esta expressão surgiu por volta de 1755. Quando o famoso terramoto de 1 de Novembro de 1755 assolou a cidade de Lisboa, as pessoas fugiram para as zonas mais altas da cidade. Os habitantes de Campo de Ourique chegaram a temer a aproximação das águas do maremoto que se seguiu, mas tiveram a sorte deste se ficar pelos limites do bairro, deixando toda a gente a salvo. 

 

- Pior a emenda que o soneto: Quando tentamos corrigir algo, mas ainda fazemos pior
A frase tem origem numa história que envolve o poeta Manuel Maria Barbosa du Bocage. Diz-se que um aspirante a poeta o teria abordado, pedindo-lhe a opinião sobre um soneto que tinha escrito e pedindo-lhe que fizesse as emendas que fossem necessárias. Bocage concordou e, no dia seguinte, o aspirante encontrou-se com ele. Bocage não tinha feito nenhuma emenda no soneto, mas também não estava satisfeito com a obra. O poema era tão mau que não havia emenda possível, nem valia a pena corrigi-lo. Ou então, se fosse emendado, as correções seriam tantas que a emenda ficaria pior que o soneto.
 
 

Espero que tenham gostado destas pequenas curiosidades tão nossas!!
Beijinhos

 

LINGUA PORTUGEUSA.jpg

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.